Naveguem por este mundo sem validade!

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Nunca, mas nunca resolvam avançar...

...senão trouxerem convosco a morada certa.
Filosofia a esta hora? Nada disso. Não vos faria uma coisa dessas.
Ontem, fui com a pequena C. a uma festa de anos de uma amiguinha da escola. Até aqui tudo certo, não me tivesse eu armado em "Xica Esperta". Deixei o convite em casa [confio muito no meu instinto, mas às vezes lixo-me] e fui à aventura com o seguinte pensamento 'deve ter balões na rua e por isso, fácil de identificar'.
Eram 4 casas seguidas [ou três...já não lembro muito bem], passo na primeira e não vi balões...passo na segunda e vi uma janela aberta, crianças ao colo e muitos carros cá fora. 'Só pode ser esta' digo para a pequena. Avancei portão adentro, olhei descaradamente para o ambiente da festa a ver se via alguém conhecido [mas não trazia os óculos. Ao domingo gosto de meter estilo e nunca os uso, mesmo que para isso não consiga focar matrículas de carros imediatamente à minha frente]. 
Percorri cerca de 300 metros de carro, dentro daquela casa [tinha um quintal/jardim grande para catano!], fiz inversão de marcha junto ao canil dos donos da casa e percebi que estava no sítio errado.
Já na estrada principal, com o corpo a transpirar de vergonha, lembrei-me que tinha o número de telemóvel da mamã da aniversariante.
Por sorte ou azar, o puto da casa errada também fazia anos. Arre diabo que não acerto uma!

Para a próxima vou à Maria Helena fazer uma consulta.
(retirado de: http://consultoriodeastrologia.blogs.sapo.pt/bola-de-cristal-1236500)


8 comentários:

  1. Ahahaha! Acontece aos melhores! Mas tb foi azar! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se eu tivesse um buraco para desaparecer...;)

      Eliminar
  2. Parece mm algo que eu faria, até mm a parte dos óculos (ainda me estou a convencer que estou a ficar vesga que nem um morcego, apesar de às xs me dar jeito qd sei que tenho familiares indesejados a aproximarem-se...)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pela compaixão Dona de Casa! É bom saber que não sou a única nestes meandros!

      Eliminar
  3. Nem mais nem menos...sou mesmo assim! Como tenho filhos mais velhos, o J. acaba sempre por dizer: " A sério mãe ?!"

    ResponderEliminar
  4. AAhahah!
    Que engraçado.
    Que engraçado seria se a criança tivesse permanecido na festa e so depois de muito procurar o aniversariante ela propria se assustasse com a constatação de que este não estava presente. Não é por maldade não, é porque a coincidência é grande e seria possível de acontecer :PP

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu atraio coisas destas, pá!

      Eliminar